COMUNIDADE FAMILIA ASCENSAO
SAUDAÇÕES QUERIDA FAMILIA.
PARA CONHECER OS DEBATES E PARTILHAS ANTERIORES VISITE O LINK
http://nominato.com.br/forum/index.php

ATENÇÃO :
APÓS FAZER O REGISTRO, VÁ NA SUA CAIXA DE EMAIL E "ATIVE" SUA CONTA.
VOLTE AO FÓRUM E CLIQUE "LOGIN" NOME E SENHA "MANTER CONECTADO". PARA FUGIR DAS PROPAGANDAS.


MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Página 4 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[size=12][b]Frio proveniente da Antartida mata na Bolivia [/b][/size]

Mensagem  Reikiana em Qua Set 01, 2010 4:44 am

Com os altos picos dos Andes e uma floresta tropical húmida, a Bolívia é um país de extremos ecológicos. Durante, o inverno recente do Hemisfério Sul, as temperaturas anormalmente baixas, em parte da região tropical do país atingiu duramente espécies de água doce matando mais de 6 milhões de peixes, milhares de jacarés, tartarugas e golfinhos do rio.

Os cientistas que visitaram os rios afectados dizem que o evento é o maior desastre ecológico que a Bolívia conheceu, e, como um exemplo de uma mudança climática repentina causando estragos na vida selvagem, e sem precedentes na história.

"Há um enorme número de peixes mortos", diz Michel Jegu, cientista do Instituto de Desenvolvimento de Pesquisa em Marselha, França, que actualmente está trabalhando no Noel Kempff Mercado Natural History Museum, em Santa Cruz, Bolívia. "Nos rios perto de Santa Cruz há cerca de 1.000 peixes mortos para cada 100 metros de rio."

Com tais eventos climáticos extremos potencialmente se tornando cada vez mais comuns devido às alterações climáticas (ou ao aquecimento solar?), os cientistas apressam-se para coordenar a investigação sobre o impacto e rapidez com que estes estão acontecendo sobre vastas áreas do globo e questionam-se mesmo se estes ecossistemas atingidos recuperarão?

A quantidade extraordinária de carne de peixe em decomposição poluiu as águas dos rios Grande, Piraí e Ichilo, na medida em que as autoridades locais tiveram de fornecer fontes alternativas de água potável para as cidades ao longo das margens dos rios. Muitos pescadores perderam a sua principal fonte de receitas, tendo sido proibidos de pescar mais peixes, a partir de populações que, provavelmente, lutam para se recuperar.

A culpa é, pelo menos indirectamente, duma massa de ar da Antártida que se instalou ao longo do Cone Sul da América do Sul, durante o mês de Julho. A pressão prolongada fria também tem sido associada à morte de pelo menos 550 pinguins ao longo das costas do Brasil e milhares de bovinos do Paraguai e do Brasil, bem como centenas de pessoas na região.

A temperatura da água nos rios bolivianos que normalmente registram cerca de 15 ˚ C durante o dia, caiu para um valor tão baixo quanto 4 ˚ C.

Hugo Mamani, chefe da previsão no SENAMHI, centro nacional de meteorologia da Bolívia, confirma que a temperatura do ar na cidade de Santa Cruz caiu para 4 ˚ C em julho deste ano, uma baixa batida apenas por um registro de 2,5 ˚ C, em 1955.


Mas, exactamente como o frio causou tal devastação permanece um mistério. Até agora, não houve estudos rigorosos dos danos ecológicos, apenas observações anedóticas.

Fons Smolders, um cientista da pesca na Radboud University em Nijmegen, na Holanda, é um especialista que visitou a área e está ansioso para que o fenómeno receba estudo apropriado porque tais eventos climáticos podem se tornar mais comuns no futuro.


Muitas vezes, quando o frio provoca mortes de peixes em lagos, a mortalidade está directamente com a hipóxia, quando os níveis de oxigénio são baixos demais para fornecer as células dos animais e tecidos. Isso ocorre porque as temperaturas de superfície mais frias podem reduzir a mistura na coluna de água.

A morte ocorreu principalmente nos rios, Smolders suspeita que estão associados a uma estranha infecção. "Alguns dos peixes que eu vi tinham manchas brancas que podem indicar a doença. O frio provavelmente fez o resto", explica ele.

"Quando os peixes morrem, geralmente não é um factor único, mas múltiplos factoresres associados", concorda Steven Cooke, um ecólogo aquático da Universidade de Carleton, em Ottawa, no Canadá, que no ano passado escreveu sobre o choque térmico nos peixes. "Então, se as temperaturas de choque frio ou mais frias estão sendo implicadas na mortalidade, provavelmente há algo mais acontecendo também."

Fonte: http://www.nature.com/news/2010/100827/full/news.2010.437.html
avatar
Reikiana

Mensagens : 51
Data de inscrição : 11/08/2010
Localização : Natal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qua Set 01, 2010 5:41 am


Incêndio destrói mais de 2.000 hectares de floresta no sul da França

Fogo na mata está a apenas 10 km de Montpellier.
900 bombeiros combatem chamas na região de Hérault.

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2010/08/incendio-destroi-mais-de-2000-hectares-de-floresta-no-sul-da-franca.html
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qui Set 02, 2010 5:32 am

Septiembre 1, 2010

1. Huracán Earl, categoría 5
2. Tormenta Tropical Fiona



BOLETIN
HURACAN EARL ADVERTENCIA NUMERO 29
NWS TPC/CENTRO NACIONAL DE HURACANES MIAMI FL AL072010
1100 AM AST MIERCOLES 1 DE SEPTIEMBRE DE 2010

...AMPLIO HURACAN EARL AMENAZA PORCIONES DE LA COSTA DEL ATLANTICO MEDIO...


RESUMEN DE LAS 11:00 AM AST...1500 UTC...INFORMACION
----------------------------------------------
LOCALIZACION...25.1 NORTE 72.1 OESTE CERCA DE 170 MILLAS...270 KILOMETROS AL ESTE DE SAN SALVADOR EN LAS
BAHAMAS COMO A 725 MILLAS...1170 KILOMETROS AL SUR SURESTE DEL CABO HATTERAS CAROLINA DEL NORTE
VIENTOS MAXIMOS SOSTENIDOS...125 MPH...205 KILOMETROS POR HORA MOVIMIENTO ACTUAL...
VIGILANCIAS Y AVISOS
-------------------- CAMBIOS CON ESTA ADVERTENCIA...

SE HA EMITIDO UN AVISO DE HURACAN PARA LA COSTA ESTE DE LOS ESTADOS
UNIDOS DESDE BOGUE INLET NORTH CAROLINA AL NORESTE HASTA LA FRONTERA
DE NORTH CAROLINA/VIRGINIA...INCLUYENDO EL PAMLICO Y ALBERMALE
SOUNDS.

LA VIGILANCIA DE HURACAN HA SIDO AJUSTADA HACIA EL NORTE Y EXTIENDE
ACTUALMENTE DESDE LA FRONTERA DE NORTH CAROLINA/VIRGINIA AL NORTE
HASTA CAPE HENLOPEN DELAWARE.

RESUMEN DE LOS AVISOS Y VIGILANCIAS EN EFECTO...

AVISO DE HURACAN PARA...
*BOGUE INLET NORTH CAROLINA AL NORESTE HASTA LA FRONTERA DE NORTH
CAROLINA/VIRGINIA INCLUYENDO EL PAMLICO Y ALBERMALE SOUNDS.

UNA VIGILANCIA DE HURACAN ESTA EN EFECTO PARA...
*AL NORTE DE FRONTERA DE NORTH CAROLINA/VIRGINIA HASTA CAPE HENLOPEN
DELAWARE.

UN AVISO DE TORMENTA TROPICAL ESTA EN EFECTO PARA...
* LA ISLA SAN SALVADOR EN LAS BAHAMAS CENTRAL
* DESDE CABO FEAR AL OESTE DE BOGUE INLET NORTH CAROLINA.

UNA VIGILANCIA DE HURACAN SIGNIFICA QUE CONDICIONES DE HURACAN SON
POSIBLES DENTRO DEL AREA DE LA VIGILANCIA. UNA VIGILANCIA SE EMITE
TIPICAMENTE CON 48 HORAS DE ANTEMANO CON LA LLEGADA DE VIENTOS CON
FUERZA DE TORMENTA TROPICAL...CONDICIONES QUE PODRIAN HACER LAS
PREPARATIVOS DIFICILES O PELIGROSAS. SE DEBE APRESURAR LOS
PREPARATIVOS PARA PROTEGER LAVIDA Y LA PROPIEDAD.

UN AVISO DE TORMENTA TROPICAL SIGNIFICA QUE SE ESPERAN CONDICIONES
DE TORMENTA TROPICAL EN ALGUN LUGAR DENTRO DEL AREA BAJO AVISO EN
LAS PROXIMAS 36 HORAS.

INTERESES DESDE VIRGINIA HACIA EL NORTE HASTA NUEVA INGLATERRA DEBEN
MONITOREAR EL PROGRESO DE EARL.


DISCUSION Y PERSPECTIVAS PARA LAS PROXIMAS 48 HORAS
----------------------------------------------------
A LAS 11:00 AM AST...1500 UTC...EL CENTRO DEL HURACAN EARL ESTABA
LOCALIZADO EN LA LATITUD 25.1 NORTE...LONGITUD 72.1 OESTE. EARL SE
MUEVE HACIA EL NOROESTE A CERCA DE 17 MPH...26 KILOMETROS POR HORA.
SE ESPERA QUE ESTE MOVIMIENTO GENERAL CONTINÚE HOY CON UN GIRO
GRADUAL HACIA EL NORTE DURANTE EL JUEVES. EN LA TRAYECTORIA
PRONOSTICADA...EL CENTRO DEL HURACAN CONTINUARA MOVIENDO MUY AL ESTE
Y NORESTE DE LAS BAHAMAS HOY Y ESTA NOCHE Y SE ACERCARA LA COSTA DE
CAROLINA DEL NORTE PARA TARDE EN EL JUEVES.

LOS VIENTOS MAXIMOS SOSTENIDOS PERMANECEN CERCA DE 125 MPH...205
KILOMETROS POR HORA...CON RAFAGAS MAS ALTAS. EARL ES UN HURACAN
CATEGORIA TRES EN LA ESCALA DE VIENTOS SAFFIR-SIMPSON. SE ESPERAN
ALGUNAS FLUCTUACIONES EN EL FORTALECIMIENTO DURANTE LAS PROXIMAS 24
A 36 HORAS.

EARL ES UN HURACAN AMPLIO. LOS VIENTOS HURACANADOS SE EXTIENDEN
HASTA 90 MILLAS DEL CENTRO...150 KILOMETROS...Y LOS VIENTOS CON
FUERZA DE TORMENTA TROPICAL SE EXTIENDEN HASTA 200 MILLAS...325
KILOMETROS DEL CENTRO.



PELIGROS AFECTANDO TIERRA
----------------------
VIENTOS...VIENTOS DE TORMENTA TROPICAL...PRINCIPALMENTE EN RAFAGAS
SOBRE LA ISLA SAN SALVADOR...HABRAN DE DISMINUIR MAS TARDE HOY.

MAREJADAS CICLONICAS...UNA PELIGROSA MAREA CICLONICA AUMENTARA LOS
NIVELES DE LAS AGUAS DE 3 A 5 PIES SOBRE LOS NIVELES DE LA TIERRA
DENTRO DEL AREA DEL AVISO DE HURACAN. CERCA DE LA COSTA...LA MAREA
SE ACOMPAÑARÁ DE GRANDES Y DESTRUCTIVAS OLAS ROMPIENTES.

LLUVIA...ACUMULACIONES TOTALES DE LLUVIA DE 1 A 2 PULGADAS...CON
TOTALES AISLADOS DE 4 PULGADAS SON ANTICIPADAS PARA LAS BAHAMAS Y EL
EXTREMO ESTE DE CAROLINA DEL NORTE Y EN THE OUTER BANKS.

RESACAS...MAREJADAS GRANDES PRODUCIDAS POR EARL DEBEN COMENZAR A
AFECTAR LAS BAHAMAS Y LA COSTA SURESTE DE LAS BAHAMAS Y LA COSTA DE
LOS ESTADOS UNIDOS DE LA PORCION SURESTE HOY. ESTAS MAREJADAS
PUDIERAN CAUSAR CONDICIONES PELIGROSAS DE RESACAS Y CORRIENTES
SUBMARINAS.


PRONOSTICADOR AVILA

TRADUCCION CORTESIA DE LA OFICINA DEL SERVICIO NACIONALDE METEOROLOGIA EN SAN JUAN PUERTO RICO

:::::::::::::::::::
BOLETIN
TORMENTA TROPICAL FIONA ADVERTENCIA INTERMEDIA NUMERO 8
NWS TPC/CENTRO NACIONAL DE HURACANES MIAMI FL AL082010
1100 AM EDT MIERCOLES 1 DE SEPTIEMBRE DE 2010


...FIONA PASANDO AL NORTE DE LAS ISLAS DE SOTAVENTO NORTE...


RESUMEN DE LAS 11:00 AM AST...1500 UTC...INFORMACION
----------------------------------------------
LOCALIZACION...18.8 NORTE 61.7 OESTE
CERCA DE 100 MILLAS...160 KILOMETROS AL ESTE NORESTE DE LAS ISLAS
DEL NORTE DEL SOTAVENTO O
CERCA DE 85 MILLAS...135 KILOMETROS AL NORTE DE DE BARBUDA
VIENTOS MAXIMOS SOSTENIDOS...60 MPH...95 KILOMETROS
POR HORA
MOVIMIENTO ACTUAL...OESTE NOROESTE O 305 GRADOS A 17
MPH...28 KILOMETROS POR HORA
PRESION MINIMA CENTRAL...998 MILIBARAS...29.47 PULGADAS


VIGILANCIAS Y AVISOS
--------------------

UN AVISO DE TORMENTA TROPICAL ESTA EN EFECTO PARA...
* ST. MARTIN Y ST. BARTHELEMY.

UNA VIGILANCIA DE TORMENTA TROPICAL ESTA EN EFECTO PARA...
* ANTIGUA...BARBUDA...MONSERRATE...SAN KITTS...NEVIS Y ANGUILA
* SAN MAARTEN...SABA Y SAN EUSTATIUS

INTERESES EN LAS ISLAS DEL NORTE DE SOTAVENTO DEBERÁN MONITOREAR EL
PROGRESO DE FIONA.


DISCUSION Y PERSPECTIVAS PARA LAS PROXIMAS 48 HORAS
------------------------------
A LAS 11:00 AM AST...1500 UTC...EL CENTRO DE LA TORMENTA TROPICAL
FIONA ESTABA LOCALIZADO CERCA DE LA LATITUD 18.8 GRADOS
NORTE...LONGITUD 61.7 GRADOS OESTE. FIONA SE MUEVE HACIA EL NOROESTE
A CERCA DE 17 MPH...28 KILOMETROS POR HORA...SE ESPERA CONTINUE ESTE
MOVIMIENTO CON UN GIRO HACIA EL NORTE NOROESTE Y UNA DISMINUCION EN
SU VELOCIDAD PARA TARDE EN EL JUEVES. EN LA TRAYECTORIA
PRONOSTICADA...SE ESPERA QUE EL CENTRO DE FIONA PASE AL NORTE DE LAS
ISLAS DE SOTAVENTO NORTE HOY.

LOS VIENTOS MAXIMOS SOSTENIDOS PERMANECEN CERCA DE 60 MPH...95
KILOMETROS POR HORA...CON RAFAGAS MAS FUERTES. SE ESPERA ALGUN
FORTALECIMIENTO LEVE DURANTE EL PROXIMO DIA...CON UN LEVE
DEBILITAMIENTO PARA TARDE EN EL VIERNES.


PELIGROS AFECTANDO TIERRA
----------------------
VIENTO...CONDICIONES DE TORMENTA TROPICAL PODRIAN EXTENDERSE SOBRE
PORCIONES DE LAS ISLAS DEL NORTE DE SOTAVENTO MAS TARDE ESTA MAÑANA
O TEMPRANO EN LA TARDE.


PRONOSTICADOR BLAKE

TRADUCCION CORTESIA DE LA OFICINA DEL SERVICIO NACIONAL DE
METEOROLOGIA EN SAN JUAN PUERTO RICO



" el día después de mañana", es hoy

Kristen Neiling
Dirección y Producción
Agencia CPl.News ®
www.thecamino.com.ar
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clima feroz: Seis tempestades em atividade no hemisfério norte

Mensagem  ALGOL em Qui Set 02, 2010 4:42 pm



Tempestades Severas

Há duas semanas, as condições climáticas acima do equador eram bem tranquilas, sem qualquer tormenta ameaçadora. Agora tudo mudou e o mar de tranquilidade deu lugar a nada menos que seis tempestades ciclônicas em atividade, sinal de que a temporada de furacões chegou de verdade.



Das seis tormentas, metade está agindo no oceano Atlântico norte e ameaçam diretamente a região caribenha e costa leste dos EUA. As outras três avançam pelo sudeste asiático, ameaçando o sudeste asiático e causando fortes temporais especialmente na China e Coréia do Sul.

Em Xangai, na China, o tufão Kompasu atingiu a costa do país durante a madrugada e provocou fortes temporais na região litorânea. As autoridades suspenderam as aulas em todo o leste do país. Também está mantida a evacuação das plataformas de extração de petróleo e os navios receberam ordens de se manterem ancorados até a passagem do tufão.

Kompasu agora ruma em direção ao Japão, onde deverá chegar amanhã, sexta-feira, mas deverá atingir o arquipélago nipônico já enfraquecido, com ventos inferiores a 65 km/h.

Depressão 10
Bem mais ameaçadora, a depressão tropical 10 vem ganhando força no Pacífico Ocidental e deverá se transformar em tufão nas próximas 24 horas. A tormenta segue em direção ao mar do leste da China e de acordo com os dados de storm tracking, cruzará o arquipélago das ilhas Ryukyu entre sexta-feira e sábado, produzindo chuvas torrenciais que poderão atingir a ilha de Okinawa. Em seguida o tufão penetra no Mar Amarelo e avança em direção a Seul, na Coréia do Sul, já com status de furacão categoria 2 na escala Saffir-Simpson, com ventos superiores a 165 km/h.

LionRock
Ainda no Pacífico, o tufão Lionrock perdeu força nesta manhã ao tocar o continente chinês próximo a Hong Kong. Neste momento a tempestade apresenta ventos de 60 km/h e deverá se enfraquecer ainda mais, à medida que se desloca sobre o continente. Até sexta-feira a tempestade deverá ter se dissipado.

Earl
Do outro lado da Terra as atenções estão voltadas nesse momento para o poderoso furacão Earl, que mantêm a costa leste dos EUA em estado de alerta. Earl é um poderoso furacão de categoria 4 e seus ventos sustentados atingem nesse momento 225 km/h.



Segundo o Centro Nacional de Furacões dos EUA, NHC, Earl causará chuvas torrenciais em toda a costa leste, especialmente na faixa localizada entre a Carolina do Norte à Nova Inglaterra. De acordo com a FEMA, a Defesa Civil americana, cerca de 1.8 milhão de pessoas poderão ser afetadas apenas na Carolina do Norte.

Acima das Carolina do Norte, entre sexta-feira e sábado Earl deverá provocar pesadas chuvas nos Estados da Virgínia, Washington DC, Maryland, Nova Jersey e Nova York. No domingo Earl atinge o Maine, no extremo nordeste do país e invade o Canadá no início da segunda-feira.

De acordo com o boletim 32 do NHC, as 07h00 Earl se localizava sobre as coordenadas 29.3 N e 74.7 W, aproximadamente a 660 km ao sul do Cabo Hatteras, na Carolina do Norte. O furacão se desloca em sentido norte-noroeste a 30 km/h e deverá manter essa dinâmica pelas próximas 24 horas. A pressão barométrica no centro da tormenta é de 928 hPa e os ventos chegam a 230 km/h. Segundo o NHC, a intensidade dos ventos deve aumentar nas próximas horas e transformar Earl no primeiro furacão categoria 5 da temporada.

Fiona

A tempestade tropical Fiona não apresenta riscos. Se localiza em mar aberto a 475 km ao norte de Porto de Rico e seus ventos atingem 85 km/h. Fiona se desloca em sentido oeste-noroeste e nas próximas horas deverá mudar o curso, passando a se deslocar em sentido nordeste, afastando ainda mais o sistema das áreas continentais.


Gaston

Além de Earl, outro sistema que deverá chamar a atenção nos próximos dias é a tempestade tropical Gaston. Neste momento (quinta-feira, 08h40) a tormenta se localiza a 2495 km a leste das Pequenas Antilhas e seus ventos não ultrapassam 65 km/h. No entanto, a tempestade deverá ganhar força e se transformar em furacão entre sábado e domingo, ao mesmo tempo que avança em direção ao Caribe.



Dados de storm tracking mostram que na próxima semana Gaston poderá causar intensos temporais em Porto Rico, República Dominicana e Haiti.



Artes: no topo, furacão Earl registrado em 1 de setembro de 2010 pelo sensor de resolução moderada MODIS, a bordo do satélite AQUA, da Nasa. Na sequência, storm tracks mostram a previsão de rota do furacão Earl e da tempestade Gaston, de acordo com dados do Centro Nacional de Furacões dos EUA, NHC.

Créditos: Nasa - Modis Rapid Response Team / NHC / Apolo11.com.
avatar
ALGOL

Aquário Mensagens : 101
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 47
Localização : RIO DE JANEIRO

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Sex Set 03, 2010 5:39 am

Nova York/EUA enfrenta verão mais quente de sua história

http://noticias.ambientebrasil.com.br/clipping/2010/09/02/59832-nova-yorkeua-enf\
renta-verao-mais-quente-de-sua-historia.html


Com uma temperatura média de 25,4°C, o verão de 2010 é o mais quente já
registrado na cidade de Nova York, informou nesta quarta-feira (1º) o serviço
nacional de meteorologia.

"Trata-se do verão mais quente observado em Nova York desde 1869 – ou seja,
desde que a estação Central Park realiza medições cotidianas", comentou nesta
quarta-feira um porta-voz do serviço meteorológico do país.

O verão de 2010, que inclui os meses de junho, julho e agosto, bateu o recorde
de 25,2°C, atingido durante a onda de calor de 1966, que deixou mais de 1.100
mortos, principalmente idosos.

Nova York teve temperaturas superiores aos 32°C, durante mais de duas semanas,
no mês de julho. A temperatura alcançou 39,4°C em 6 de julho, recorde para a
data. O recorde absoluto de todos os tempos foi, no entanto, 9 de julho de 1936,
data na qual o Central Park registrou 41,1°.

Os serviços meteorológicos de Nova York anteciparam para a quarta-feira uma
temperatura máxima de 35,5°C.

Na segunda rodada do aberto de tênis dos Estados Unidos, a bielorussa Victoria
Azarenka, cabeça de chave N.10, desmaiou aparentemente por conta do calor.
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Dom Set 05, 2010 5:20 am

Ocorreu enchente onde estive no mês passado:

Enchente no Uruguai

Cerca de mil desabrigados em vários pontos do país, 16 estradas interrompidas e ao menos dois mortos é o saldo até o momento das enchentes no Uruguai. O número de pessoas desalojadas pode aumentar ainda mais, segundo as autoridades. As localidades de Agosto (departamento de Florida) e Santa Lucía (departamento de Canelones), cada uma com desabrigados, eram as mais afetadas...

http://www.metsul.com/blog/

avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Seg Set 06, 2010 5:19 am

Piores inundações da década afetam sul da Austrália

Muitas casas estavam alagadas e milhares de pessoas sem acesso a energia elétrica neste domingo no sul da Austrália, região afetada pelas piores inundações em mais de uma década.

O governo declarou área de desastre natural no estado de Victoria depois que os rios transbordaram em consequência das fortes chuvas, que isolaram algumas áreas residenciais.

http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI4661149-EI294,00-Piores+inundacoes+da+decada+afetam+sul+da+Australia.html
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

CORRENTE DO GOLFO PARA

Mensagem  estel em Seg Set 06, 2010 2:32 pm

CORRENTE DO GOLFO PARA!

Informações vindas de um satélite de oceanografia mostra que a corrente do golfo parou de fluir desde o dia 28 de julho de 2010.

De acordo com o Dr. Gianluigi Zangari, um físico italiano especializado em sistemas complexos e teoria do caos do Laboratório Nacional de Frascati, Itália, tal fato se deve a grande quantidade de petróleo no mar do golfo, fazendo com que o aumento da viscosidade da água impeça o correto movimento da corrente.

Como a corrente do golfo se move também em grandes profundidades, o uso indiscriminado do solvente Corexit ajudou a piorar a situação. O Corexit não dissolve o petróleo, ele simplesmente faz com que as manchas de petróleo afundem.
Este petróleo submerso tem muito mais viscosidade que a água, fazendo com que a fluidez da corrente cesse por completo.

O impacto será catastrófico se algum processo natural não reverta a situação. A Europa e a costa leste americana, que são aquecidas no inverno pelas águas quentes desta corrente, poderão viver dias de frio extremo já no próximo inverno.

Esta situação poderá também afetar dramaticamente o clima da Terra. Secas e enchentes poderão comprometer seriamente a produção agrícola de vários paises já em 2011, causando fome generalizada

O mais preocupante é que a grande mídia não escreve uma palavra sobre este importante assunto.

Fonte: http://www.ufotvonline.com.br/arquivo-noticias/8-clima/247-corrente-do-golfo-para.html

estel

Mensagens : 28
Data de inscrição : 25/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Imagens de satélite obtidas da Nasa mostram furacões Igor e Julia no Oceano Atlântico

Mensagem  ALGOL em Qua Set 15, 2010 1:09 am





Imagens de satélite obtidas da Nasa mostram furacões Igor e Julia no Oceano Atlântico - Foto: AFP
avatar
ALGOL

Aquário Mensagens : 101
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 47
Localização : RIO DE JANEIRO

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qui Set 16, 2010 5:13 am

Seca atinge nível crítico nos principais rios do Amazonas

--
Vazante do Rio Negro já é pior do que a registrada na mesma época da seca de
1963; seis cidades[br]estão em alerta
--


Liège Albuquerque - O Estado de S.Paulo
http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20100913/not_imp608995,0.php

O Rio Negro, que banha Manaus, estava na última sexta-feira apenas sete
centímetros abaixo do registrado na mesma data em 1963, ano da maior seca da
história. No dia 10 de setembro daquele ano, a cota do rio era de 20,33 metros
ante 20,26 metros de sexta-feira. Os dados são do Serviço Geológico do Brasil
(CPRM). Na seca de 1963, o Rio Negro atingiu em outubro, pico da estiagem, a
marca de 13,64 metros.

O Rio Solimões, que banha a maior parte dos municípios do interior, está em
nível ainda mais crítico. No dia 9, atingiu 32 centímetros negativos, ou seja,
abaixo do zero da régua - medição menor do que o pico recorde registrado em
2005. O ano registrou a maior vazante do Solimões já aferida pelo CPRM. Em 2005,
no pico da estiagem, verificado na primeira quinzena de outubro, a régua marcou
dois centímetros positivos.

Os problemas que já acometem o interior, como isolamento de comunidades e barcos
impedidos de atracar nos portos, começam a dar sinais também na capital. Há
leitos de igarapés secos bem no meio de Manaus, como o igarapé do Quarenta, que
corta a capital.

Com o Rio Negro a menos de cinco metros do nível crítico, a Capitania dos Portos
já emitiu alertas. Segundo a assessoria do órgão, na semana passada foram
registrados dois encalhes de barcos que estavam vindo para Manaus. Barcos
menores tiveram de transportar passageiros até o porto.

O prefeito do município de Itamarati (a 980 quilômetros de Manaus), João
Campelo, também vice-presidente da Associação Amazonense dos Municípios (AAM),
afirmou que as plantações de vegetais e frutas de solo, como as de melancia e
mandioca, estão destruídas. "Como se não bastassem os problemas de agora, ainda
há o do futuro: como sobreviver."

Todos os municípios do Amazonas dependem de energia de termelétricas e já há
cidades com estoque crítico de combustível. "As balsas que transportam
combustível estão levando menos da metade para fugir do encalhe e pelo menos
Itamarati, Tabatinga e Envira têm combustível para no máximo 15 dias", disse
Campelo. Seis cidades decretaram estado de emergência, todos na calha do
Solimões e Juruá: Tabatinga, Benjamim Constant, Atalaia do Norte, Itamarati,
Ipixuna e Guajará.
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Sex Set 17, 2010 5:56 am

16/09/2010
Nível das barragens no Distrito Federal preocupa


Desde maio sem chuva, a área rural do Distrito Federal já enfrenta racionamento de água. Mas, segundo a Caesb (Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal), não há previsão de racionamento nas cidades. O calor bate recorde a cada dia. Brasília enfrenta tardes cada vez mais quentes. O nível do Lago Paranoá é o mais baixo dos últimos 12 anos. A Barragem do Descoberto está a meio metro abaixo da média. Segundo a Caesb, não há previsão de racionamento nas cidades. Mas, no campo, os agricultores já enfrentam racionamento de água. A água das Bacias do Ribeirão Pipiripau e do Descoberto é usada para irrigar as plantações de hortaliças dos produtores da região de Planaltina e Sobradinho. Segundo a Adasa, o nível dos córregos está crítico. Há quase um mês os agricultores ficam seis horas sem água todos os dias.
- Mesmo assim não foi suficiente. Então, os usuários estão reduzindo um pouco mais essa vazão, entorno de 20% a 30%. Mas se nada disso for efetivo, então, é possível ter racionamento - esclarece o coordenador de fiscalização da Adasa, Roger Souza.

(Fonte: De olho no tempo, com informações DFTV)

http://www.deolhonotempo.com.br/?id=81-9800
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Sex Set 17, 2010 5:58 am

ONU volta a pedir ao mundo que ajude o Paquistão

O Alto Comissário da ONU para os Refugiados, Antonio Guterres, fez um apelo nesta quinta-feira à comunidade internacional para que aumente sua contribuição financeira para ajudar o Paquistão, país devastado há dois meses por inundações.

A ONU, que já se referiu à catástrofe paquistanesa como um "tsunami em câmera lenta" e "uma das maiores crises humanitárias que o mundo já viu", critica diariamente a falta de resposta da comunidade internacional a seus apelos de contribuição para o fundo de urgência, criado em 11 de agosto.

Até hoje, a comunidade internacional só financiou dois terços dos 460 milhões de dólares previstos para o fundo. Na sexta-feira, as Nações Unidas farão um novo pedido de contribuição.

POR :
http://g1.globo.com/mundo/noticia/2010/09/onu-volta-a-pedir-ao-mundo-que-ajude-o-paquistao.html
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Sex Set 17, 2010 6:06 am

Chuvas deixam 10 mortos e 300 mil desabrigados na Índia

Avalanches de lodo enterraram pontes, escolas e casas em três distritos do Estado indiano de Arunachal, perto da fronteira com a China.

"A devastação causada pelas inundações e deslizamentos foi grande e oito pessoas morreram, ontem, em situações como desabamento de casas", disse o ministro-chefe de Arunachal, Dorjee Khandu.

No estado de Assam, outras duas pessoas morreram nos últimos três dias por causa das chuvas de monção, que causaram o deslocamento de 300 mil cidadãos de 250 povoados.

http://noticias.terra.com.br/noticias/0,,OI4673653-EI188,00-Chuvas+deixam+mortos+e+mil+desabrigados+na+India.html

Chuvas já deixaram mais de 70 mortos na Colômbia

O diretor da Cruz Vermelha colombiana Carlos Ivan Márquez disse também que as chuvas afetaram quase 400 municípios de 27 dos 32 departamentos do país.

"Nunca tivemos um inverno pior que este (...) foi muito duro", sustentou o ministro do Interior e Justiça, Germán Vargas Lleras, em Medellín.

http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2010/09/12/chuvas-ja-deixaram-mais-de-70-mortos-na-colombia.jhtm

BRASIL
Tocantins tem redemoinho de fumaça

Depois de cerca de quatro meses sem volume de chuva significativo, as queimadas continuam causando estragos no Tocantins. A estiagem facilita a propagação das chamas. Na terça-feira (14), em apenas um dia, foram registrados quase 700 focos de incêndio no estado. Neste mês, já são 4 mil.

Essa combinação de seca e queimadas provoca cenas impressionantes. Um redemoinho com muita fumaça assustou moradores na zona rural de Palmas.

As chamas também invadiram um centro de pesquisa do cerrado.

POR :
http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/09/em-apenas-um-dia-tocantins-tem-quase-700-focos-de-incendio.html

Tufão matou dezenas na Coreia do Norte, diz mídia estatal

Dezenas de pessoas morreram na Coreia do Norte após fortes chuvas e deslizamentos de terra causados por um tufão que atingiu a Península Coreana no começo do mês, informou a mídia estatal norte-coreana nesta quarta-feira (15).

O governo da Coreia do Sul respondeu esta semana a pedidos de ajuda emergencial da Coreia do Norte para enfrentar as enchentes, em mais um gesto conciliatório entre os dois países rivais depois de um período de aumento da tensão por causa do afundamento de uma embarcação sul-coreana em março.

Fortes chuvas na empobrecida Coreia do Norte nos dois últimos meses desencadearam graves inundações e afetaram a produção de alimentos do país, que mesmo em anos favoráveis não é suficiente para suprir seus 23 milhões de habitantes. Normalmente, o país produz 1 milhão de toneladas a menos do que precisa.

POR :
http://g1.globo.com/mundo/noticia/2010/09/tufao-matou-dezenas-na-coreia-do-norte-diz-midia-estatal.html
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Sab Set 18, 2010 2:36 am

Vítima de tempestade em Nova York era brasileira, diz jornal
17 de setembro de 2010 • Notícia

A mulher que morreu na noite de quinta-feira durante uma tempestade em Nova York, nos Estados Unidos, era brasileira. As informações são do jornal The New York Times, com base em depoimentos de vizinhos de Aline Levakis, 30 anos.

Ela morreu quando uma árvore caiu sobre seu carro no bairro do Queens. O marido de Aline, Bill Levakis, 60 anos, estava no banco do passageiro, mas não se feriu gravemente. Ele recebeu atendimento médico e foi liberado na manhã desta sexta-feira.

Segundo os vizinhos, o casal passava a maior parte do tempo no restaurante deles, o West Shore Plaza Family Restaurant, em Mechanicsburg, na Pensilvânia.

A tempestade derrubou postes, árvores e destelhou várias residências. Ao menos 26 mil moradores do Queens e 5 mil habitantes de Staten Island, ficaram sem eletricidade.

O Ministério de Relações Exteriores informou que entrou em contato com o Consulado-Geral do Brasil em Nova York para confirmar se a vítima realmente é brasileira, informou a assessoria de imprensa.

http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI4683990-EI306,00-Vitima+de+tempestade+em+Nova+York+era+brasileira+diz+jornal.html

Chuvas pesadas em Nova Jersey

Tradução:

Pesadas trovoadas e rajadas de ventos continuam a rolar pela central e sul de Nova Jersey deixando milhares sem energia elétrica. avaliações de danos de duas faixas largas de tempestades estão em andamento e uma advertência severa tempestade continua em vigor até 19:00 , de acordo com o National Weather Service. Jersey Central Power & Light mapa interrupção é o relato de problemas pontuais em todo o estado , com cerca de 10.000 clientes sem energia elétrica em todo o estado . A maioria das falhas estão sendo relatados no condado de Monmouth , com pelo menos 3,5 mil sem eletricidade em Freehold das 20:00 PSE & G's website também está relatando interrupções significativas em Essex, Hudson e municípios Mercer, com entre 500 e 2.000 clientes afetados em cada município . Mais de 4.200 clientes Salem County Electric ter sido deixado no escuro pelas tempestades . NJ Transit existência de atrasos de 20 a 30 minutos , na Costa Norte Jersey saída de linha de Hazlet de Long Branch e entrada de Middletown em Nova York devido a derrubaram árvores, apesar de ter sido eliminada por 7:45 e serviço foi restaurado. Os relâmpagos pesado que acompanhou as tempestades causaram pelo menos um incêndio esta noite em Rahway - um incêndio dois alarme em uma casa da rua Bryant que começou às 5:30 horas, disseram autoridades. bombeiro Rahway Brian Fleischman disse que ninguém ficou ferido , mas o fogo provoca danos significativos no sótão do edifício. Autoridades estão investigando relatos de um funil de nuvens na Perth Amboy e áreas Ponte Velha, que parecem ser particularmente atingidos por uma linha danos das tempestades que continuou a causar problemas em Queens , Nova York, eles viajaram para o leste .

http://hisz.rsoe.hu/alertmap/woalert_read.php?cid=27838
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Sab Set 18, 2010 3:21 am

Septiembre 16, 2010


Huracanes Karl y Julia ambos categoria 4, Igor bajó a categoria 2


'Karl' ha tocado tierra este viernes alrededor de las 11.30 horas hora local en el estado de Veracruz, en el sur de México, con ráfagas de viento de 200 kilómetros por hora aunque se prevé que en las próximas horas se desplace hacia el oeste del país, según informó el Centro nacional de Huracanes (CNH) de Estados Unidos.

A su llegada a las costas de Veracruz como huracán de categoría cuatro, 'Karl' ha provocado fuertes precipitaciones que ha anegado gran parte del malecón, obligando a las autoridades a desalojar a los vecinos de los edificios cercanos.

El gobernador del estado ha instado a la población a refugiarse en sus viviendas y a colaborar con los servicios de Protección Civil y anunció la suspensión temporal del suministro de energía eléctrica a los barrios del malecón para evitar incidentes mayores.

El presidente, Felipe Calderón, había declarado hoy mismo el estado de alerta en los estados del centro de México ante la llegada de 'Karl', y de alerta máxima en Veracruz y en los 212 municipios que lo conforman ante las previsiones del CNH. Sin embargo, el fenómeno podría afectar también en los estados de Puebla, Hidalgo, Tlaxcala, Oaxaca, Tabasco, Chiapas, Michoacán y Jalisco.

Julia, el quinto huracán de la temporada, cobró fuerza y alcanzó la categoría 4, mientras la tormenta tropical Karl tocará tierra en la península de Yucatán, México, con vientos de 100 kilómetros por hora, informó hoy el Centro Nacional de Huracanes de Estados Unidos.
Por su parte, el huracán Igor, también categoría 4 en la escala Saffir Simpson de cinco, sigue aproximándose a las pequeñas Antillas. Karl se formó luego de que Julia se fortaleció en el extremo este del Atlántico, por lo que ahora son tres tormentas potencialmente peligrosas las que avanzan por el Océano Atlántico. En la noche del martes Julia se alejaba de las islas de Cabo Verde con dirección oeste-noroeste.

Las autoridades de los estados de Yucatán y Quintana Roo, sur de México, declararon la "alerta roja" en varias localidades ante la presencia de la tormenta Karl.Los preparativos para enfrentar el fenómeno meteorológico incluyeron la evacuación de Chetumal, la capital provincial, y el municipio de Felipe Carrillo Puerto. La alerta roja afectaba a esas dos localidades y a la zona turística de Tulum, en la Riviera Maya. El Servicio Meteorológico Nacional informó que Karl comenzó a golpear la Península de Yucatán, desde muy temprano, con vientos de 100 kilómetros por hora.

Igor perdió fuerza en el Atlántico este viernes y sus vientos descendieron a 165 km/h mientras avanza hacia el noroeste en dirección al archipiélago de Bermudas, donde podría impactar el domingo, informó el Centro estadounidense de Huracanes (NHC).

Igor se debilitó a un huracán de categoría dos en la escala Saffir-Simpson, con un máximo de cinco, de acuerdo al último reporte del NHC.

El huracán Igor se localizaba a las 21H00 GMT a 1.025 km al sur-sureste de Bermudas, y en las próximas horas podría tener un debilitamiento gradual, indicó el organismo.




" el día después de mañana", es hoy

Kristen Neiling
Dirección y Producción
Agencia CPl.News ®
www.thecamino.com.ar
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Sab Set 18, 2010 5:05 am

Septiembre 16, 2010


¿Tornado? provoca daños en Nueva York

Un tornado con vientos de hasta 160 kilómetros por hora provocó graves daños en la ciudad de Nueva York, derribó árboles y líneas eléctricas, generó un caos en el tránsito vehicular, arrancó techos y hasta provocó la muerte de una persona.

Los fuertes vientos provocado por la tormenta de rápido desplazamiento, provocaron la caída de un árbol sobre un automovil que se encontraba estacionado, en una calle del barrio de Queens, provocando la muerte de Iline Levakis, de 30 años.

La mortal tormenta provocó también atrasos en el transporte público y el servicio de trenes. Miles de personas quedaron sin servicio eléctrico.

El Servicio Meteorológico Nacional emitió una advertencia de tornado para Staten Island, que luego fue extendida para los barrios de Brooklyn y Queens. "Una rama de un árbol enorme, como de unos siete metros de largo, voló por toda la calle, subió la cuesta y se detuvo en el aire a 15 metros y comenzó a girar en esta intersección", dijo un testigo de la fuerza del tornado.

Los daños fueron los siguientes:
El Long Island Rail Road tuvo el servicio suspendido, pero fue reestablecido parcialmente, la cual abarcó desde Penn Station hacia Jamaica

Una persona fue reportada muerta, después que un árbol cayera en el Grand Central Parkway, sucedió hacia el este, cerca de la salida 12, según las autoridades.

Con Edison reporta al menos 27.000 consumidores sin servicio eléctrico en los cinco condados, las que incluyen 25,000 en Queens y 6,000 en Staten Island

La MTA reporta retrasos y aeropuertos también sufren retrasos de al menos tres horas en JFK.

El servicio Nacional del Clima aún no confirma si la tormenta fue un tornado, pero una serie de testigos confirmaron ver el túnel de un tornado y vientos de al menos 80 millas por hora.



" el día después de mañana", es hoy

Kristen Neiling
Dirección y Producción
Agencia CPl.News ®
www.thecamino.com.ar
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Seg Set 20, 2010 7:38 pm

Gasolina no fogo


Uma massa de ar quente que impressiona pela sua intensidade cobre o Centro-Oeste do Brasil. Sob condições de ar extremamente seco, com umidade relativa do ar abaixo de 10% à tarde, as máximas foram excepcionalmente altas na região no fim de semana. Os termômetros indicaram mais de 40ºC tanto em Mato Grosso como no Mato Grosso do Sul com algumas estações acusando até 42ºC, caso de Coxim (MS). A tendência é que o centro desta massa de ar quente se desloque para o Sul, em direção ao Paraguai, nesta semana, como mostram os mapas de temperatura em 850 hPa da noite deste domingo e as projeções para as noites de hoje e terça...


http://www.metsul.com/blog/
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Ter Set 21, 2010 5:17 am

E tá um vento por aqui e a notícia segue abaixo:

DF entra em estado de emergência devido à seca e queimada
20 de setembro de 2010 •

O incêndio destruiu cerca de 25% do Parque Nacional de Brasília

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O governo do Distrito Federal decretou nesta segunda-feira situação de emergência ambiental por causa do incêndio florestal que destruiu 25% do Parque Nacional de Brasília e da baixa umidade relativa do ar. A decisão vale por 60 dias, contados a partir de terça-feira.

Em 24 horas, o fogo consumiu 10 mil hectares do parque, que tem 42.389 mil hectares. O incêndio começou às 7h de domingo e ainda não foi totalmente controlado.

Em um comunicado, o governo diz que o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil estão tomando as medidas para combater o fogo no parque e em outros possíveis focos de incêndio.

O Distrito Federal está a 117 dias sem chuva e a umidade relativa do ar tem registrado índice abaixo de 20% nos últimos dias. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) é que chova no final deste mês ou no começo de outubro.

http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI4688735-EI306,00-DF+entra+em+estado+de+emergencia+devido+a+seca+e+queimada.html

E daqui de casa dá para ver a fumaça provinda desse incêndio no parque nacional indo na direção leste-oeste compondo uma nuvem de fumaça no céu sem nuvens em Brasília.

Até mais!

Buscador seco e na poeira Basketball
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Ter Set 21, 2010 6:10 am

Septiembre 19, 2010

Refugios colectivos a 820 euros



Regularmente, el hombre rescata una teoría por la que el mundo va a sufrir un enorme cataclismo. Es el fin. Una y otra vez, llega y termina con el planeta, al menos tal y como lo conocemos. La última de la serie ha recurrido a las profecías mayas y a un supuesto informe de la NASA por el que el planeta vivirá una enorme catástrofe en dos años.

Esto siempre vende y muchos se han puesto manos a la obra. Hollywood hizo su película ('2012', de Roland Emmerich), Patrick Geryl se ha hinchado a vender libros que hablan de olas de kilómetros de altura, y miles de personas se han construido un búnker por lo que pueda pasar. Muchos de ellos están en España, organizados dentro del grupo Supervivencia España 2012, que propone varias obras para protegerse.


Todo comenzó cuando Jonatan Bosque, un naturópata de 29 años que vive en Baleares, dio «por casualidad» con el número 2012 en Internet y comenzó a investigar sobre las teorías catastrofistas. Escribió a Patrick Geryl y supo que estaba preparando un búnker en la Sierra de Granada, a una altura suficiente para que no le lleguen las olas durante la catástrofe.


Y decidió ponerse manos a la obra. Actualmente, miembros del Grupo de Supervivencia de España 2012 (G.S.E. 2012) han proyectado varios refugios atómicos colectivos para cooperativas de socios. Uno de ellos está planteado en un lugar de la sierra de Madrid. Cabrían 50 personas que paguen 2.500 euros por persona para protegerse de los augurios apocalípticos, que determinan que el fin del mundo acontecerá el 21 de diciembre de 2012.
"Yo ya no creo que sea esa fecha, pero sí que puede pasar", asegura una persona que decidió adquirir su espacio y que desea tener un lugar al que huir de un posible ataque de guerra, biológico o nuclear o de desastres naturales como tsunamis, terremotos, tormentas solares, erupciones volcánicas y demás desgracias mundanas.


El búnker se plantea con hormigón de 60 centímetros de espesor, con material de una empresa italiana que comercializa ladrillos de madera y cemento pesado de gran resistencia sísmica. La Guardia Civil ha hecho pruebas de explosión directa con estos materiales y el resultado ha sido positivo.


Para 150 personas

El inmueble está equipado con filtros de partículas radiactivas para evitar vertidos o fugas. Cuenta con generadores eléctricos, sistemas de refrigeración, despensa para víveres en una bodega subterránea de tres metros, así como la previsión de semillas y plantas hidropónicas.
Este colectivo ofrece en su página Web el proyecto London Tube, un refugio en Aragón donde podrían guarecerse 150 personas, que pagarán 820 euros por cabeza y plaza. Ya se han anotado 75.

Los promotores de esta iniciativa creen que con este equipamiento se podrá vivir allí entre uno y dos años, aunque consideran que sería muy difícil agotar este plazo. En una fuga nuclear habría que esperar tres semanas para salir al exterior, pero en una nube tóxica sería de menos duración. La bomba nuclear es más devastadora, dice el portavoz del colectivo.

No todos los socios son de Madrid y los de fuera están preocupados por si les dará tiempo a llegar. Para contentarlos, alrededor del búnker tienen previsto crear una 'ecoaldea' en la que se podrían instalar un tiempo cuando la cosa comience a ponerse fea.




" el día después de mañana", es hoy

Kristen Neiling
Dirección y Producción
Agencia CPl.News ®
www.thecamino.com.ar
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qua Set 22, 2010 4:09 am

Granizada em São Paulo:

http://fotografia.folha.uol.com.br/galerias/1015-granizo-em-sao-paulo-e-guarulhos
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qui Set 23, 2010 5:45 am

Tempestade de neve isola 2 mil pessoas no Quirguistão


Uma tempestade de inverno deixou mais de duas mil pessoas isoladas em uma região montanhosa, no centro do Quirguistão, informou nesta segunda-feira o Ministério de Situações de Emergência (MES na sigla em inglês) do país. Segundo a BNO News, o grupo de pessoas ficou preso depois que uma grande quantidade de neve fechou estradas nos vales Ak-Sai e Arpa, no distrito de At-Bashynskiy, província de Naryn. O Ministério, que não forneceu detalhes sobre as condições dos presos, disse que estava trabalhando com o Ministério dos Transportes para limpar as estradas. Ele disse que o nível de neve chegou a 70 cm. "Nós acreditamos que nenhum dos presos tinha a menor idéia de que haveria uma mudança brusca no tempo", afirmou o ministério em um breve comunicado. "As pessoas não tiveram tempo de ir para casa".

(Fonte: De olho no tempo, com informações Terra)

http://www.deolhonotempo.com.br/?id=82-9874
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qui Set 23, 2010 6:07 am

Fim de inverno com muitos temporais


Chuva forte e temporais castigam o Rio Grande do Sul há pelo menos 48 horas. Em alguns locais do Norte gaúcho a precipitação já soma 200 milímetros em apenas dois dias. A última região castigada foi a das Missões, onde um temporal atingiu Santo Ângelo na madrugada de hoje. Ontem, o aeroporto da cidade, localizado fora da área urbana, chegou a registrar vento de 129,6 km/h. O Corpo de Bombeiros atendeu 10 ocorrências de destelhamento parcial de residências Os bombeiros ainda tiveram que serrar uma árvore que caiu em cima de uma residência. Quatro postes de energia elétrica caíram (foto de Rogério Sartori / Correio do Povo)...

http://www.metsul.com/blog/

avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Ter Set 28, 2010 4:41 am

Tempo severo no Paraná e Mato Grosso do Sul


Comentava aqui na última quarta-feira que "não está escrito em nenhum lugar, mas é comum que eventos extremos de chuva ou temporal (vento e/ou granizo) marquem o fim de longos períodos de tempo seco ou pouca chuva". Complementei, antecipando que "eventos severos podem se repetir nos próximos dias e semanas no Sudeste do Brasil e no Centro-Oeste". Neste fim de semana regiões do Paraná e do Mato Grosso do Sul que enfrentavam longo período de tempo seco tiveram fortes tempestades. Na noite de sábado, Campo Mourão, no interior paranaense, teve centenas de casas destelhadas por granizo. O gelo quebrou janelas e vitrines de lojas. Hoje, a capital do Mato Grosso do Sul foi atingida por forte temporal. Árvores caíram e houve desabamentos e alagamentos. O mais impressionante se deu a vinte quilômetros da cidade. O vento virou um caminhão no quilômetro 306 da BR-262. No local, várias torres com linhas de transmissão ficaram completamente retorcidas (fotos de Paulo Ribas gentilmente cedidas pelo jornal Correio do Estado de Campo Grande).


Estas torres são desenhadas para resistir a vento muito intenso e o fato do veículo ter virado exatamente no mesmo local leva a MetSul Meteorologia a não descartar que um tornado possa ter passado naquele ponto, apesar da possibilidade de microexplosão ou uma intensa frente de rajada serem plenamente possíveis. Perto de Ponta Porã um índio morreu atingido por um raio. Ao logo de toda a semana o Mato Grosso do Sul e parte de São Paulo e Paraná seguirão sujeitos a temporais isolados, alguns intensos a severos com potencial de danos. Os índices de instabilidade projetados para estas regiões são muito altos para os próximos dias, em especial entre terça e quinta com picos no Mato Grosso do Sul na quarta-feira. A volta da umidade ao Centro-Oeste terá conseqüência aqui com a diminuição dos volumes de chuva no Rio Grande do Sul nos próximos 10 a 15 dias com o canal de umidade da Amazônia mais ao Norte.

http://www.metsul.com/blog/

Temporal atinge Campo Grande (MS)


Publicação: 27/09/2010 10:09

Uma frente fria vinda do Polo Sul provocou, na manhã de ontem, um forte temporal em Campo Grande (MS). A chuva derrubou árvores e torres de alta tensão, deixando cerca 8,4 mil moradores sem energia elétrica. Na cidade de Ponta Porã, um índio morreu atingido por um raio dentro de sua casa, na Aldeia Lima Campo. Em Campos Mourão (foto), no Paraná, a chuva destelhou cerca de mil casas. Segundo o meteorologista Hamilton Carvalho, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a frente fria vem do sul e se movimenta para a região central do país, com a possibilidade de chegar ao Distrito Federal ainda hoje. “Com a chegada da frente fria, uma massa de ar frio entra em contato com a terra mais quente, favorecendo a formação de nuvens. Essa formação tende a ocorrer a partir de segunda-feira no Distrito Federal, provocando chuvas fracas em áreas isoladas`, afirmou.

O DF está há 124 dias sem chuva, o quinto maior período de estiagem desde 1963, quando a região teve 164 dias de seca.

http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia182/2010/09/27/brasil,i=215006/TEMPORAL+ATINGE+CAMPO+GRANDE+MS.shtml
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qua Set 29, 2010 4:29 am

28/09/2010
La Niña castiga a América Latina com temporais, mortes e prejuízos


Deslizamentos de terra mortais no México e na Colômbia, inundações intermináveis no norte da América Latina, previsão de chuvas abaixo da média comprometendo a agropecuária no sul do Brasil... A região é castigada por uma intensa temporada de chuvas associadas ao fenômeno La Niña, que deixam centenas de mortos e bilhões de dólares em perdas. Os estados do sul do México, América Central e norte da América do Sul têm sido castigados nas últimas semanas por fortes precipitações, após a passagem de várias tormentas e ciclones vinculados ao fenômeno climático La Niña. O La Niña é um fenômeno inverso ao El Niño, e se caracteriza pela elevação das temperaturas na superfície do mar nas regiões central e oriental do Pacífico, que gera secas na região meridional da América do Sul e chuvas no Atlântico tropical, entre outras variações climáticas. Por causa das chuvas persistentes, esta terça-feira um deslizamento soterrou centenas de residências no sudeste do México no povoado indígena de Santa Maria, no estado de Oaxaca, deixando um balanço provisório de sete mortos e 100 desaparecidos, embora as autoridades regionais tenham calculado que até mil pessoas podem ter sido soterradas. Em meados de maio, as chuvas no México deixaram mais de 80 mortos, 800 mil desabrigados e perdas de cerca de 4 bilhões de dólares, segundo a Defesa Civil. Também na Colômbia, 30 pessoas foram soterradas por um deslizamento que caiu, na segunda-feira, sobre uma estrada no departamento de Antioquia (noroeste). A partir de outubro, "esperam-se muitas chuvas devido ao fenômeno La Niña no Pacífico equatorial, que as torna mais intensas e frequentes no território colombiano", disse à AFP Daniel Useche, do estatal Instituto de Hidrologia, Meteorologia e Estudos Ambientais (Ideam). As previsões do Ideam são que o La Niña se estenda até o primeiro trimestre de 2011. O fenômeno causou, este ano, chuvas 30% maiores que as habituais na América Central. Em algumas regiões, como na fronteira entre Panamá e Costa Rica, as precipitações superaram os 3.000 mm. Na Guatemala, no começo de setembro, dois deslizamentos soterraram vários veículos em uma estrada e vários camponeses que tentavam resgatar seus ocupantes, deixando 25 mortos e 15 desaparecidos sob a lama. Em outro deslizamento no mesmo fim de semana, 12 pessoas morreram soterradas em um ônibus. Na América Central, o risco deve-se a que o solo de toda a região está encharcado por causa de uma temporada de chuvas - de maio a movembro - inusitadamente forte, que deixou 400 mortos, milhares de desabrigados e prejuízos de bilhões de dólares. No domingo, o diretor do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC), o indiano Rajendra Pachauri, advertiu na Guatemala que o impacto do aquecimento na América Central será mais sério ainda que o já se sente na região, uma das mais vulneráveis do mundo para este fenômeno. Na Venezuela, 18 pessoas morreram e outras tantas estão desaparecidas devido às fortes chuvas que castigam grande parte da região norte desde a sexta-feira e que mantêm em alerta as autoridades, diante dos muitos deslizamentos e cheias dos rios. Entretanto, o La Niña trouxe seca para a Amazônia e fortes incêndios florestais para a Bolívia. Um grande incêndio continua ardendo, sem controle, no departamento (estado) de Santa Cruz (sudeste), e já consumiu 27.000 hectares de uma importante reserva natural, no âmbito da pior seca do país em 30 anos. O La Niña também ameaça trazer um período de seca aos países do cone sul e afetar os rendimentos da produção rural. No sul do Brasil, bem como em Argentina, Paraguai e Uruguai, o fenômeno pode provocar chuvas abaixo da média para a primavera e verão austrais, afetando a produção agropecuária embora, segundo os especialistas, o déficit não vá alcançar a intensidade dos anos anteriores nos quais o "La Niña" atingiu a região.

(Fonte: De olho no tempo, com informações AFP)

http://www.deolhonotempo.com.br/?id=82-9946
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Buscador em Qui Set 30, 2010 5:35 am

Depois de 125 dias de seca, volta a chover no Distrito Federal
Chuva atingiu sete regiões administrativas na tarde desta terça-feira.
Brasília teve tempestade de poeira causada por ventos de até 50 km/h.

Do G1, em Brasília

imprimir Depois de 125 dias de estiagem, voltou a chover no Distrito Federal. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), choveu nesta terça-feira (28) em sete regiões administrativas do DF –Taguatinga, Brazlândia, Lago Oeste, Sobradinho, Planaltina, Águas Claras e Recanto das Emas.

saiba mais

Incêndio já consumiu 25% do Parque Nacional de BrasíliaAté as 18h desta terça, porém, não havia chovido em Brasília, apesar de o tempo estar nublado desde o último domingo. Segundo o instituto, não deve chover na cidade nesta terça-feira. Para quarta, o instituto prevê chuvas isoladas na cidade.

Na tarde desta terça, uma tempestade de poeira, causada por ventos que chegaram a 50 quilômetros por hora, deixou Brasília encoberta por uma névoa cinza. Na região de Recanto das Emas, os ventos atingiram os 72 quilômetros por hora.

“As rajadas de vento foram tão fortes em Brasília que deixaram um rastro de poeira, lixo e de tudo que vinha pela frente”, disse o meteorologista do INMET Luiz Cavalcanti.

http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/09/depois-de-125-dias-de-seca-volta-chover-no-distrito-federal.html
avatar
Buscador

Libra Mensagens : 265
Data de inscrição : 11/08/2010
Idade : 44
Localização : Brasília

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MUDANÇAS CLIMATICAS - CHINA - COMPORTAMENTO ANIMAIS

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum